ॐ Shubha Labha

31 07 2011

Shubha Labha é uma palavra que normalmente aparece nas imagens de Ganesha e Lakshmi. Shubha significa “auspicioso” e Labha significa “lucro”. Sendo assim, o termo Shubha Labha está muito ligado ao comércio, negociantes, lojas etc. Os comerciantes também costumam escrever as duas palavras dentro de seus livros de contabilidade para que elas tragam bons lucros nos negócios.

Na tradição Hindu, Shubha e Labha são filhos de Ganesha com as suas duas esposas Riddhi e Siddhi. Ganesha, o Deus com cabeça de elefante não se achava bonito e por isso não conseguia se casar, o que mais entristecia ele é que ele sempre via os outros deuses conseguindo formar famílias e casamentos e ele por se achar feio não conseguia uma parceira para se casar e formar uma família.

Ganesha, portanto, se frustrou tanto com essa situação que pediu aos ratos que eles sempre abrissem buracos diante de qualquer procissão de casamento que acontecesse, o que tirava a elegância de qualquer casamento, pois os caminhos estavam sempre esburacados e deixando difícil o acesso aos locais de casamento. Os deuses vendo que isso era sempre um artifício utilizado por Ganesha foram até Brahma queixando-se para ele e pedindo que Brahma tomasse alguma providência.

Brahma para finalizar com a inveja de Ganesha criou duas belas moças chamadas Riddhi e Siddhi e ofereceu as duas moças para Ganesha para que ele se casasse com elas, assim ele teria não apenas um esposa, teria duas. Riddhi simboliza toda a riqueza material e Siddhi simboliza toda a riqueza intelectual e espiritual. Sarasvati abençoaria esse duplo matrimônio e os frutos desse casamento. Assim Ganesha tinha duas esposas que eram acima de tudo abençoadas por Brahma e Sarasvati. Após o casamento com Riddhi e Siddhi, Ganesha ordenou que os ratos parassem de esburacar os caminhos de todos os matrimônios, tornando assim o Senhor que remove os obstáculos e utilizando desde então um rato como vahana (veículo ou montaria). Ganesha teve dois filhos desse matrimonio com Riddhi e Siddhi, os filhos se chamam Subha (auspiciosidade) e Labha (fortuna). Por isso que essas duas palavras estão sempre ligadas aos comerciantes, pois assim estão buscando as benção de Ganesha, Brahma, Sarasvati e também Lakshmi Ma visando bons lucros nos negócios em geral.

Quando se reverencia Ganesha, o Senhor que remove os obstáculos, estamos reverenciando Brahma e Sarasvati, quando escrevemos ou falamos Shubha Labha estamos reverenciando a fortuna material, intelectual e espiritual oriunda de Brahma e Sarasvati. Além disso, a Deusa Lakshmi também é a deusa das fortunas, pois isso é muito comum vermos uma imagem que contenha Ganesha, Sarasvati e Lakshmi. O termo também é utilizado no sentido de trazer ou desejar boa sorte para alguém.

Subha Labha – Om Gam Ganapataye Namah – Daniel Nodari Mahadeva


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: