ॐ Nādī Shodhana Prānāyāma ou Anuloma Viloma (respiratório alternado)

29 11 2011

Prānāyāma não é meramente a dinâmica respiratória: inspirar, exalar e reter. Essas três fases respiratórias não constituem prānāyāma, se fosse assim, os seres humanos e todos os animais estariam fazendo prānāyāma ao longo de toda a vida.

Pela tradição do Yoga, prānāyāma é o nome do conjunto de exercícios de controle da energia vital pela respiração. Controlar a respiração por meio desses exercícios é ampliar o fluxo e a circulação de prāna no corpo, ou seja ampliar os processos vitais e mentais.

Nādī shodhana prānāyāma ou anuloma viloma prānāyāma é uma prática de grande importância, tanto no aspecto energético como no aspecto mental. Shodhana significa limpar ou purificar, portanto é um exercício respiratório que purifica as nādīs (meridianos de circulação da energia vital: prāna) facilitando a distribuição do prāna em Sūkshma Sharīra.

Sūkshma Sharīra: é a nossa matéria sutil, na qual não a vemos com os olhos físicos porém facilmente compreendemos as suas manifestações. Sūkshma Sharīra corresponde ao nosso corpo energético (estrutura pranica ou prāna māyā kosha), pensamentos (mano māyā kosha) e conhecimento (vijñāna māyā kosha); aos nossos cinco ares vitais (pañcha prāna), aos órgãos sutis de ação e percepção do mundo (karmendriyas) e pelo complexo mental chamado de antah karana (manas: mente, ahamkāra: ego, intelecto superior: buddhi e consciência: chitta).

O respiratório alternado equilibra a circulação das correntes pranicas (idā nādī e píngalā nādī), equilibrar as oscilações da mente e do corpo, ampliar a força dos chakras e as suas energias intrínsecas, os pūrakas (inspirações) trazem mais prāna ao manipura chakra (plexo solar) e kūmbhakas (retenções) amplia o prāna em ājña chakra.

Se o corpo e a mente estiverem envolvidos em alasya (preguiça) e tamas guna (atributo da inércia ou lentidão) o respiratório alternado retira corpo e mente deste estado. O mesmo acontece se corpo e mente estiverem envolvidos no estado de rajas guna (atributo da agitação, excitação, nervosismo).

Preparação ao respiratório alternado:

Faça vishnu mudrā com a mão direita, você irá utilizar o dedo polegar direito para bloquear a narina direita e os dedos anular e mínino para bloquear a narina esquerda. A mão esquerda permanece repousada sobre o joelho esquerdo, em chin mudrā.

Ao longo de todo o respiratório alternado busque observar uma respiração silenciosa. Nas retenções, não há a necessidade de se inspirar tão profundamente para reter o ar, se isso for feito, dificulta a dinâmica do respiratório alternado, portanto, não inspire tão profundamente para fazer a retenção. Pūrakas mais suaves torna o kūmbhaka confortável.

Nas inspirações, inicie e mantenha o inspirar de forma suave ao longo de toda a contagem, retenha o ar nos pulmões como foi dito anteriormente e para exalar inicie soltando o ar bem suave. Nunca inicie a exalação de maneira rápida ou forçosa.

As três fases do prānāyāma:

Pūraka: inspiração

Kūmbhaka: retenção

Rechaka: exalação

Execução:

– Faça vishnu mudrā, exale e fecha a narina direita com o polegar direito;

– inspire pela narina esquerda em 4 tempos;

– retenha o ar nos pulmões e feche as duas narinas por 16 tempos;

– exale pela narina direita em 8 tempos;

– inspire direita em 4 tempos;

– retenha o ar nos pulmões e feche as duas narinas por 16 tempos;

– e exale pela narina direita em 8 tempos.

Isso constitui um ciclo do respiratório alternado, um ciclo inicia e finaliza pela narina esquerda. Esses tempos não necessariamente significam segundos, mas claro, você pode contá-los como segundos para ir se familiarizam com as fases respiratórias. O mais importante é observar a proporção do tempo: 1 de inspiração, 4 de retenção e 2 de exalação. No início faça de 4 a 6 ciclos e ao longo de semanas aumente até chegar a 10 ciclos. Quando já estiver bom bastante conforto e domínio, aumente uma unidade de tempo, conforme o quadro abaixo.

Pūraka Kūmbhaka Rechaka
4 16 8
5 20 10
6 24 12
7 28 14

Bons Kūmbhakas – Daniel Nodari Mahādeva – om shanti


Ações

Information

One response

30 11 2011
sonia tagliani righi

Muito bom.
Obrigada Daniel.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: